Atitudes Sustentáveis

O checklist definitivo de sustentabilidade na construção civil!

Um assunto um tanto polêmico nos dias atuais e de responsabilidade compartilhada é a questão da Sustentabilidade.

Cada vez mais se torna comum a preocupação com atitudes sustentáveis, mediante ao crescimento dos impactos causados ao meio ambiente pelas constantes evoluções tecnológicas e o lixo que é acumulado.

Um modo de minimizar essa questão vem a partir da a adoção de atitudes sustentáveis exercidas por toda uma sociedade consciente. No entanto, os principais poluidores ambientais, como é o caso das indústrias e da construção civil, tem papel importante nesse processo de conscientização.

Muitas construtoras já adotaram posições sustentáveis para elaboração de seus projetos e empreendimentos, entretanto, algumas atitudes sustentáveis ainda necessitam ser exploradas de modo a minimizar os riscos causados na construção civil.

Se você é engenheiro civil e está elaborando o projeto de obra, então fique atento às atitudes que não podem faltar no seu planejamento.

Um planejamento sustentável

Planejar uma obra é muitas vezes a tarefa mais árdua de um engenheiro civil. Isso porque todo planejamento requer cuidados e previsões de todos os riscos e minimizá-los é papel primordial desta etapa do processo.

Com isso, o planejamento tem grande importância na conscientização ambiental, pois ele é quem dará o start à ideia inicial e envolverá toda a equipe para a necessidade de cumprimento da obra dentro do planejado.

Minimizando os impactos ambientais

Algumas providências podem e devem ser tomadas de modo sustentável como por exemplo: a substituição de recursos naturais que não são renováveis e também a redução no seu uso, como por exemplo a reutilização dos resíduos sólidos.

São várias propostas alternativas no segmento, que visam reduzir os impactos diretos e indiretos ao meio ambiente na sua operacionalização.

Embora ainda complexo o assunto, há diversos estudos de troca de recursos naturais por resíduos, na substituição de um bem não renovável pelo material reciclado.

De olho nos materiais empregados na obra

Embora a crise econômica esteja alarmando muitos setores, inclusive o setor de construção civil que tem sofrido grande impacto, é importante tomar atitudes que minimizem riscos futuros.

Com isso, sempre utilizar produtos dentro das normas regulamentadoras de determinado segmento é importante para manter o padrão e não causar situações desconfortáveis e ainda prejuízos.

Com a complexidade das obras de construção civil, é importante sempre manter a qualidade dos produtos envolvidos, no entanto, procurando sempre atender a necessidade de preocupação ambiental.

Descarte de resíduos

O descarte dos resíduos é uma das partes que mais impacta o meio ambiente, de modo imediato e quase irreversível.

Isso porque, atitudes mal tomadas de descarte irregular no meio ambiente, além de destruir o habitat natural em que vivemos, ainda polui rios, lagos e a atmosfera com os rejeitos da obra que são mal destinados.

É importante sempre manter, desde o planejamento, a ideia de descarte regular e analisar quais os locais e momentos corretos para descarte dos resíduos durante todas as etapas da obra.

O acompanhamento de todos os processos é primordial para análise do atendimento das atitudes sustentáveis

Acompanhar a obra durante todos os seus processos é importante para acompanhando do desenvolvimento correto do planejamento sustentável.

Isso porque em todos os processos não acompanhados minuciosamente, a grande tendência é abandonar as ideias originais por atitudes mais fáceis e cômodas para a situação.

Com isso é sempre importante para o engenheiro civil, responsável pela obra, esteja sempre atento ao bom andamento e atendimento das necessidades iniciais do projeto.

A sustentabilidade é assunto sério e depende de tomadas de decisões coerentes e de postura responsável com a participação para a sustentabilidade.

Enquanto o mundo contar com profissionais bem preparados e preocupados com o futuro da sociedade e de todo o ambiente que os cerca, ainda teremos uma chance de sobrevivência.

Pense nisso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *